Post Top Ad

quarta-feira, 19 de outubro de 2016

Potes, a caminho dos Picos da Europa.

O caminho desde a costa norte de Espanha até chegar a Potes é fantástico. Acompanha o desfiladeiro de Liébana onde corre o Rio Deva, paralelo ao qual segue a estrada. A sensação de ser engolido pelo montanha é incrível. Apesar da estrada ser fraca em algumas zonas (estava a ser remodelada) o passeio vale imenso a pena até pelo caminho. E a imagem do precipício, vista de baixo. Não sei bem porque mas a maioria das fotografias que tinha ficaram perdidas no sub-mundo virtual e só me restou esta, porque estava publicada no Instagram.
No final desta estrada magnífica, sempre ao longo do vale, e antes de começar a subir a sério a montanha em direcção ao Parque Natural dos Picos da Europa - pelo lado leste - fica a vila de Potes. Aqui, bem no entro, há a confluência dos rios Deva e Quiviesa, uma ponte do século XV para os atravessar e uma vila muito simpática em redor, onde também se destacam a Igreja de São Vicente e a Torre do Infantado, construída na mesma época que a ponte de São Caetano, e imagem principal da cidade.

A cerca de 2 km do centro da cidade é possível encontrar o famoso Mosteiro de São Toríbio, consagrado a este Santo depois de no século VIII o bispo Toribio de Astorga ter sido transladado a ser local juntamente com as relíquias que se crê que tenha trazido da Terra Santa. A mais importante delas é aquele que a Igreja Católica considera hoje o maior pedaço da cruz em que Cristo foi sepultado.
11:31 / by / 0 Comments

Sem comentários:

Post Top Ad